Solidão


SolidãoJean-Paul Sartre, entre outros filósofos da corrente existencialista, pregava que a solidão é a condição natural do homem: nascemos sozinhos (até mesmo os gêmeos) e morremos sozinhos (incluídos os chacinados). Bom, se o estrábico francês estava certo, porque é que ele mesmo vivia sempre cercado de belas estudantes dadivosas? O homem evita a solidão desde quando está no berço até quando chega a hora de jogar biriba na pracinha. Somos animais sociais e temos que cumprir a sina de todos os seres vivos: nascer, crescer, reproduzir e morrer e essa quarta tarefa não podemos realizar sozinhos.
Todo mundo passa por uma solidãozinha, e até gosta (se você morar com sua sogra, cunhada, mulher e três filhas você sabe do que estou falando). O problema de que tratamos aqui é a solidão prolongada, que descamba em sentimento de isolamento, de deslocamento do meio social. Solidão constante pode projetar-nos em um ciclo vicioso, ao minar nossa auto-estima, o que leva a encerrarmo-nos em nós mesmos e cortejar a depressão, o hikikomori, a autofobia.
Agora me dê a mão, vamos sair por aí em 10 canções. Como sempre começamos com um retrato agudo da situação.

ELEANOR RIGBY Ray Charles

Ah, vê só como são as pessoas solitárias. Eleanor Rigby, por exemplo cuida da igreja, varre o arroz jogado no casamento dos outros e tem um sorriso falso guardado para ninguém. No dia de sua morte, dela só resta um pouco de terra na mão do coveiro. E quando chegar o dia da sua morte o que vai restar? (Calma, continue lendo…)
(Lennon & McCartney) in A portrait of Ray, 1968

YOUR NEW TWIN-SIZED BED Death cab for cutie

Você parece tão derrotado, assim, deitado em sua cama de casal, só você e seu travesseiro. Você com esse desejo doentio de autodestruição, parece que quer dizer “adeus, mundo”. Sai dessa!
(Gibbard & Harmer) in Narrow stairs, 2008

UNDER THE BRIDGE Red Hot Chili Peppers

Não vale nada ter dez milhões de vizinhos se por vezes parece que a cidade é sua única amiga. É difícil reconhecer que você está sozinho quando você tem uma legião de amigos vazios, mas é necessário enfrentar a danada da solidão. Anthony Kieldis só reconheceu e encarou a própria três anos depois de deixar de consumir heroína com os pretensos amigos lá “embaixo da ponte do centro”.

SENTADO À BEIRA DO CAMINHO Rosa Passos

Te largaram, e você já não sabe porque seguir nessa estrada que leva do nada ao nada. Você vai sentar à beira do caminho?, dormir na sarjeta e ser lambido pelo cão da autopiedade na manhã seguinte? Nada disso, você “não é um pobre resto de esperança à beira da estrada”, você não pode “ficar esperando a vida inteira.” Ei, cara, você existe. EXISTE. E pode não ser o melhor, mas é o único que você tem. Lembre-se disso.

REFÉM DA SOLIDÃO Baden Powell

O pior da solidão é que a gente pode se acostumar com ela. Viramos reféns e, como na síndrome de Estocolmo, acabamos gostando dessa vidinha mais ou menos, acorda-trabalha-come-dorme. Cuidado, cidadão, para não cair nesse estágio pantanoso e virar aprendiz de morrer, vida que não é vivida é morte enganada.

HEY YOU Pink Floyd

Ei, você! É, você mesmo! Você que está ficando cada vez mais velho e cada vez mais sozinho. Me ajude a te ajudar! Se mexa, pára de criar minhocas na cabeça, pára de subir o muro em torno de você mesmo. Não me diga que não há esperança. Juntos nos impomos, separados caímos. Por trás desse andamento soturno não é que essa canção do Pink Floyd tem uma letra alto-astral?

COMO DIZIA O POETA Vinícius de Moraes

Vinícius, que vivia casado (foram nove esposas) sabia muito bem o que é se sentir sozinho e nessa música dá um conselho claro: “mesmo o amor que não compensa é melhor que a solidão”. Ou, como dizia seu grande parceiro, “é impossível ser feliz sozinho”. Portanto, meu irmão, “deixa cair”, porque “a vida só se dá pra quem se deu”.

SOLIDÃO QUE NADA Cazuza

Se você ainda não se convenceu, aumente o volume e cole seu ouvido no alto-falante, na parte que Cazuza resolve o problema: esqueça a solidão e lembre-se que VIVER É BOM. Sua estrada vai ter muitas curvas e em muitas delas você vai derrapar, mas a viagem vale a pena e a passagem no final das contas é barata.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s